Nós vivemos num grande país, repleto de qualidades, com um povo sensacional, mas que também tem seus problemas internos. Recentemente, foi divulgado que o Brasil lidera dos países com o maior número de mortes por armas de fogo no mundo.

Se a gente somar o número de homicídios e suicídios do tipo com os dados dos Estados Unidos, os dois países representam 32% do total mundial. Quem revelou isso foi Global Burden of Disease, um projeto que reuniu 3.600 pesquisadores de 145 países para compilar e analisar dados de 2016.

Pra você ter uma ideia do tamanho do problema por aqui: foram mais de 43 mil mortes por arma de fogo naquele ano; 94% delas, homicídios. Os EUA contabilizaram 37 mil óbitos, mas lá a maior causa é o suicídio, que representa 64% das mortes.

Em dezembro de 2018, os Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA divulgaram um relatório sobre as causas de morte no país e o estudo revelou que a taxa de mortes por arma de fogo estava aumentando pelo terceiro ano consecutivo.

Por lá, são 12 mortes a cada 100 mil habitantes, algo que não acontecia no país há mais de vinte anos. A proporção de suicídios se manteve, e a maioria deles é de homens brancos. No caso dos homicídios, as vítimas são predominantemente homens negros.

A questão das armas de fogo, da posse e do porte delas é tema de discussão nos Estados Unidos após as dezenas de casos de atiradores em locais públicos, como ruas, escolas, igrejas e shows. Em março do ano passado, mais de 1 milhão de pessoas foram às ruas (inclusive em frente ao Consulado americano em São Paulo) pedir leis mais rígidas de controle de armas.

No Brasil, a discussão também está em alta, principalmente com a eleição de Bolsonaro. Na última terça (8), o ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, declarou que o presidente Jair Bolsonaro planeja editar na próxima semana um decreto para flexibilizar a posse de armas no país. Como você deve saber, facilitar a compra de armas foi uma das principais promessas de campanha do novo presidente.

Encontrou algum erro no post? Fale pra gente!