Uma drag; um geek; um comunista; um jogador de futebol; um lutador mexicano e figuras do mundo leather e bdsm protagonizam ensaio fotográfico “grupal” para a festa KIKI. Realizado em um apartamento no Rio de Janeiro, a festa carioca usa de vários tipos e personagens para tocar no tema da diversidade sexual e de gênero.

Ellie Saad é a drag carioca que se rodeia de personagens do universo do fetiche gay em seu apto, em meio aos seus brinquedinhos, após uma busca no aplicativo SCRUFF. Assim se desenrola o ensaio que vem sendo apresentado nas redes sociais da festa em forma de storytelling. “Para além da realização da festa, nossa ideia é gerar conteúdos regulares para as redes, passando por um arco grande do mundo gay, inclusive tocando nas questões de diversidade sexual, de gênero e experiências, sempre com um toque de humor”, afirma Vini Soares, um dos realizadores da festa.

Para essa edição de arromba, a festa traz um trio de peso de DJs: Eduardo Brava, Junior Nuayed e Juan Leonel. KIKI acontece todo mês no club Flórida, no centro do Rio de janeiro, com um som eletrônico que passeia entre o eletropop e o tribal house. Além disso, a festa conta com performances e uma hotzone no piso superior da boate.

 

KIKI | Uma festa para relaxar seus nervos

30 de novembro, na Boate Florida. Edição: Festa de arromba!
Praça Mauá, 09, Centro, Rio de Janeiro
Evento: https://www.facebook.com/events/461954124329792
Insta: @kiki_festa

Créditos:

KIKIboys: Ellie Saad (@elliesaad), Raphael Horst (@raphael.horst), Felipe Ferreira (@soufelipeferreira), Guilherme Guimarães (@guigagui_), Luan Carloto (@carlotoluan), Fred Mattos (@mattosfred), Carlos Ferreira (@carlos_hc_ferreira).

Encontrou algum erro no post? Fale pra gente!