O diretor de Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald esclareceu o mistério sobre a sexualidade de Alvo Dumbledore no filme. David Yates confirmou que o professor de Hogwarts não será um “homem abertamente gay” na produção. Entretanto, não é seu intuito esconder que o personagem de Jude Law é homossexual.

“Esta parte dessa enorme narrativa que [J.K. Rowling] está criando não se concentra na sexualidade dele, mas não estamos disfarçando ou escondendo isso”, disse Yates em entrevista a Empire Magazine (via IndieWire). “A história [do relacionamento romântico] não está lá, neste filme em particular, mas está claro no que você vê… Que ele é gay.”

Yates acrescentou: “Algumas cenas que filmamos são momentos muito sensuais dele e do jovem Grindelwald.”

J.K. Rowling revelara, após finalizar a saga Harry Potter, que Dumbledore era gay e fora apaixonado pelo famoso bruxo das trevas Gerardo Grindelwald durante sua juventude, até que os dois tiveram uma grande divergência. Então, sugeriu que ele pudesse ser abertamente homossexual em algum dos longas de Animais Fantásticos.

Por mais que Os Crimes de Grindelwald não mostre abertamente o relacionamento entre eles, talvez alguns dos outros longas retrate. Afinal, este é apenas o segundo de cinco produções da franquia Animais Fantásticos. Provavelmente o amor entre os dois será o motivo de Dumbledore não perseguir ele mesmo o bruxo das trevas e enviar Newt Scamander (Eddie Redmayne) em seu lugar.

O jovem Grindelwald será interpretado por Jamie Campbell Bower, enquanto Dumbledore mais novo será vivido por Toby Regbo. Os dois atores também fizeram os papéis dos bruxos em um livro de memórias mostradas em Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 1. Ou seja, nada de cenas quentes entre Johnny Depp e Jude Law, mas sim de suas versões jovens.

Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald tem estreia marcada para o dia 15 de novembro.

Fonte: Adoro Cinema

Encontrou algum erro no post? Fale pra gente!