Você faz um treino longo de musculação e mesmo assim não consegue obter um resultado rápido e da forma como gostaria?

De acordo com o professor da Smart Fit, Thiago Moreira, o treino eficiente não está relacionado à duração que ele tem, e sim à maneira como ele é realizado. É possível otimizar o seu treino de musculação com mudanças na sua estrutura que vão até agilizar a troca de gordura por músculo.

“Dar preferência para exercícios que utilizam mais de um grupamento muscular é um ótimo método para diminuir o tempo do treino, pois você irá trabalhar mais músculos em um único movimento”, explica o profissional de educação física. O agachamento é um exemplo. Ele é eficiente tanto para a parte anterior das coxas quanto para os glúteos. Outro exercício com essa característica é o supino, que trabalha, além dos peitorais, os músculos dos ombros e do tríceps.

Outra forma de otimizar o seu treino é diminuir o tempo de intervalo entre as séries de exercícios. “Fazer pausas de 30 segundos a 1 minuto, no máximo, além de tornar o treino mais intenso, torna o tempo de sessão na musculação mais curto”, comenta Thiago. Existe também a estratégia de séries combinadas, ou seja, realizar uma série de exercício para membros superiores e, sem descanso, realizar em seguida uma série de exercício para membros inferiores, por exemplo. O importante é trabalhar com séries de exercícios que trabalhem músculos diferentes. “Esse formato vai contribuir ainda para a perda de gordura corporal, já que vai aumentar a sua frequência cardíaca, acelerando o seu metabolismo”, explica.

Aumentar a frequência semanal da prática da musculação é outra ótima dica. Assim você poderá dividir o treino em pequenas partes, otimizando o ganho de massa muscular. O profissional da Smart Fit também considera essencial para obter um bom desempenho na musculação, o foco durante todo o tempo que estiver treinando. “Evite se distrair. Ter atenção nos movimentos que está executando vai contribuir muito para que o treino não fique tão longo e para que o exercício seja feito corretamente”, finaliza.

Encontrou algum erro no post? Fale pra gente!