É gente, pra fazer uma boa garganta profunda tem que ter técnica, senão as coisas podem sair erradas e acabar no hospital como houve com Fredy Alanis, um homem gay que vive em Chicago, foi parar no hospital – acompanhado de sua mãe – onde acabou internado por 3 dias por obstrução das vias aéreas após uma mamada mal sucedida.

Em uma selfie postada em seu Twitter – que obviamente já viralizou – de quando estava próximo da alta, explicou o motivo da internação: “Desculpem o ângulo ruim. Chupei um pau tão grande que acabei no pronto-socorro. Nunca mais vou esquecer!”, afirmou em seu tweet.

Claro que a história rendeu muitos curiosos, alguns elogiando a tentativa da garganta profunda, outros querendo entender como ele conseguiu se machucar daquele jeito. A verdade é que o boy que Fredy saiu tinha uma neca de 10 polegadas, o que dá uns 25 centímetros: “Minha pobre garganta foi destruída”, disse o rapaz que teve as vias respiratórias obstruídas.

No Twitter, comentários variaram entre: “Uma lenda, um mártir, um ídolo!”, “Descobri meu novo ícone!”, “Você é um heroi!” e “Honestamente, você é meu herói e inspiração! Espero que esteja melhor!”, disseram vários seguidores demonstrando apoio ao guerreiro.

Mesmo com toda dor sofrida, ele disse que nada foi pior que a reação dos médicos ao saberem exatamente do que aconteceu: “O olhar de nojo que recebi foi humilhante”, disse ele.

Em entrevista, ele falou mais sobre todo ocorrido. A princípio ele chegou no pronto socorro dizendo que estava com uma tosse violenta e teve a garganta extremamente machucada. “Uma hora tive que dizer aos médicos a verdade sobre o que aconteceu para indicarem o tratamento mais correto. O fato é inusitado, pois segundo eles mesmos, ter as vias aéreas obstruídas por meio de um sexo oral é algo que acontece em uma pessoa entre um milhão ou talvez cem milhões!”, contou.

Sobre o “culpado” do acidente, ele revelou que mantém contato, e que ele prometeu ser menos bruto da próxima vez que eles se encontrarem: “Ele se sentiu culpado. Prometeu que será cauteloso e consciente em uma próxima.”

Se Fredy se arrepende do motivo pelo qual foi parar no hospital? Não devemos nos intimidar! Mesmo assim, valeu a pena!”, garantiu ele.

Encontrou algum erro no post? Fale pra gente!