Há algum tempo, nós mostramos aqui no Superpride que a sífilis e gonorreia estão se tornando intratáveis, segundo um importante relatório da OMS. Pois o assunto volta a preocupar e os sinais de alertam chegam de Palm Springs, nos Estados Unidos.

Segundo as autoridades de saúde no condado de Riverside, na Califórnia, há um surto de sífilis entre gays da região. A sífilis é transmitida através do sangue, sêmen e contato da pele com feridas abertas, sexo anal e vaginal desprotegido ou compartilhamento de agulhas.

“Nós temos um surto de sífilis acontecendo agora”, disse Marcella Herrera-Carpenter, coordenadora do programa do Sistema de Saúde da Riverside University.

Ela disse que o condado ainda está pesquisando o motivo por trás do surto, mas eles sabem que os homens que praticam sexo com homens estão na maioria dos casos. O número de casos de sífilis no condado em Palm Springs e North Palm Springs é dez vezes maior do que no resto do condado.

“Nós não temos nenhuma resposta, temos lidado com isso há vários anos e, essencialmente, precisamos começar a pensar fora da caixa”, afirmou Herrera-Carpenter.

O Dr. Christopher Foltz no Dock em Palm Springs que trabalha com o Desert AIDS Project disse à KMIR que os homens que estão usando PrEP devem fazer isso em conjunto com preservativos e disseram que os homens que se sentem em risco não devem ter medo de perguntar médicos sobre a sífilis e fazer o teste para isso.

O Desert Sun informa que a taxa de sífilis em Palm Springs é de 185 casos por 100.000 pessoas, mais de 10 vezes a taxa da Califórnia em geral.

 

Encontrou algum erro no post? Fale pra gente!