A música Together do cantor Irlandês Ryan O’ Shaughnessy, qualificada para a grande final do Eurovision, causou alvoroço durante a sua apresentação na TV ao ser interpretada por um casal gay, que dança de mãos dadas e troca olhares apaixonados.

A apresentação dividiu opiniões no país e muitos apostam que a sua exibição será cortada na Rússia, conhecida por reprimir os direitos da comunidade LGBT.

Na coletiva de imprensa dos dez qualificados da primeira semifinal, Ryan explicou que a mensagem da canção é de amor independente se for gay ou heterossexual. “Não quero inspirar as pessoas a cantar sobre amor gay ou hétero. Quero apenas que as pessoas vejam que esse amor é apenas amor”, disse.

Vale lembrar que que a Irlanda aprovou através de referendo o casamento entre pessoas do mesmo sexo. Diferente de países que participam do Eurovision como a Polónia, a Grécia, a Letónia e a Lituânia. O músico espera que a sua atuação sirva para incentivar a discussão em torno da legalização do casamento gay. “Estamos trazendo essa energia para este tópico”, declarou.

 

Encontrou algum erro no post? Fale pra gente!