Hoje é sexta, dia de maldade, não é mesmo? Então, sei que você deve estar pensando o que vai fazer no fim de semana ou até já planejou em quais tipos de loucura vai se envolver.

Por isso, decidi listar alguns acidentes que podem acontecer, dependendo da sua disposição em inventar na hora do sexo. Alguns acidentes são até comuns, enquanto que outros podem ser uma verdadeira catástrofe. Confira:

1. Neca quebrada

Sim, ela quebra! Na verdade, o termo “fratura” não é o mais certo, já que não existem ossos no pênis. O nome foi popularizado justamente pelo barulho que muitos pacientes relatam na hora do acidente, que lembra o barulho de uma fratura. Mas o termo correto é ruptura peniana. Ela acontece quando o pênis duro é submetido a uma pressão na ponta. Ele acaba dobrando e suas estruturas são rompidas. Pode fazer o EDIcóptero, mas tem que ter cuidado!

2. Dor nas costas

Sabe aquelas horas de prancha na academia que mais parecem tortura? Elas podem te ajudar, afinal, a contração dos músculos abdominais podem evitar lesões na lombar. Peitorais para fora e ombros alinhados com a coluna –  sei que é difícil pensar nisso na hora, mas não fiquem corcundas. O uso de um espelho para a monitorar a situação pode ser bem útil, apesar de que é bem difícil esperar que alguém fique monitorando a postura enquanto tanta coisa boa acontece simultaneamente.

3. Cãibras no pé

Um clássico. Teimam em aparecer quando o clímax se aproxima, arruinando por completo a possibilidade de uma resolução prazerosa. Solução? Comer bananas, tomar bastante água e se alongar com frequência.

4. Assaduras na pele

São comuns quando o sexo rola em carros, carpetes, barracas de camping, etc. Pode nem notar, mas a fricção repetitiva vai esfolar a epiderme. Este abrasamento ralado dará origem a um marrom seco no dia seguinte, que podem ser bem dolorosos.

5. Irritação ocular

O motivo mais frequente? Esperma no olho. Ou por pontaria ruim ou devido a um olhar esbugalhado inoportuno. Se acontecer com você, lave assim que possível com água ou soro fisiológico. Se a vermelhidão não passar, é bom consultar um oftalmologista.

6. Vômito na mamada

Acontece com mais frequência do que as pessoas imaginam! Quem já entrou num treinamento de deep throat ou arriscou aquela chupada mais funda, provavelmente já passou por isso. A dica é: jamais engolir o vômito (tem gente que faz isso por vergonha) e sempre que notar uma ânsia chegando, pegar mais leve na profundidade.

7. Objetos desaparecidos

Histórias de objetos perdidos no ânus são normalmente das preferidas dos meus amigos médicos. Mas nem sempre é necessário recorrer ao pronto-socorro. Na maioria dos casos se entrou, sai. Se demorar muito, a dica é mesmo ir consultar um médico para ajudar no processo.

8. Prepúcio preso

Sim, no aparelho ortodôntico! O resultado possível? Um banho de sangue acompanhado de dor lancinante e grito prolongado e sonoro. Ninguém deseja ir no hospital desse jeito, mas se acontecer com você ou com seu parceiro, vá correndo ao médico! Pode ser constrangedor, mas a área é muito delicada para arriscar e tentar deixar cicatrizar sozinho.

9. Cortes na neca

Além do risco acima, de ter o prepúcio preso no aparelho ortodôntico, podem acontecer cortes no pênis durante o sexo – principalmente durante o sexo oral. Basta um movimento mais brusco para o membro raspar no dente e acabar gerando um
corte. Pra quem não quer ser responsável por esse acidente, a dica é proteger bem os dentes com os lábios para evitar que eles acabem machucando o parceiro, sim, manda ver na boca oca. Se o corte for pequeno, não há necessidade de ir ao médico, apenas
recomenda-se ficar sem usar o menino por alguns dias, para que a cicatrização seja feita. Em casos mais graves, a visita ao médico é indispensável.

10. Distensão muscular

Parece ser a lesão mais comum. Portanto já sabem antes de transar digam “Alto lá!” e iniciem uma sessão de alongamentos. Não vale menos de 10 segundos para cada músculo. Pode parecer besteira, mas pode te economizar uma forte dor de cabeça, ou
melhor, nos músculos!

Sexo é bom, mas como vimos, pode causar acidentes se não for feito com cuidado! Se algum acidente acontecer com você e te deixar preocupado (a), o melhor conselho é procurar mesmo um médico.

Encontrou algum erro no post? Fale pra gente!