Nós viemos ao mundo como almas puras, inocentes e perfeitamente belas. Mas porque não temos ideia de qual é a melhor maneira de viver, nós tendemos a nos perder no caminho ao dar ouvidos aos outros.

Nossa família, ambiente e cultura podem nos ensinar somente o que fazer ou não fazer, mas não podem nos direcionar para nossas metas de vida.

É porque o destino da nossa vida é uma jornada individual, ninguém pode nos guiar. É somente quando nos sintonizamos com nosso ‘eu’ profundo que as pistas começam a aparecer.

Mas antes disso acontecer, nós sofremos uma série de tentativas e erros, nos deparando com muitas decepções e batalhas constantes.

Somente quando estamos dispostos a deixar para trás qualquer suposição de como achamos que devemos viver é que o caminho correto da vida se revela para nós.

Porém, ao longo do caminho de autodescoberta, um certo vazio tende a surgir dentro de você, ou, digamos, tende a se destacar.

Muitas coisas ao seu redor estão ligadas a esta escuridão, que está envenenando sua alma e impedindo o brilho de sua luz verdadeira. Uma parte da jornada é identificar essas coisas e se livrar delas.

Na verdade, a jornada interior não é sobre chegar a um destino, mas perceber que você já está onde precisa estar, porém existem alguns bloqueios impedindo que sua alma brilhe.

A jornada interior é para remover os bloqueios que envenenam sua alma e ofuscam seu verdadeiro brilho. Se você sente que a única forma de preencher o vazio dentro de você é indo embora e deixando tudo para trás, então sua alma pode estar ameaçada e envenenada por coisas ao seu redor.

Ao invés de fugir, identifique as principais ameaças e livre-se delas.

1. Você não aprende com os seus erros

Nossas maiores lições vêm dos erros cometidos. Erros grandes e horríveis geralmente nos despertam de nosso sono mais profundo.

Se você se encontra cometendo os mesmos erros repetidamente, isso pode exaurir sua alma, principalmente quando você se culpa pelos erros. Este é um padrão que diz que algo precisa mudar.

É melhor você ouvir isso, caso contrário você perderá sua alma completamente. Preste atenção no que precisa ser feito e faça imediatamente.

2. Você continua arrumando desculpas

Pelo fato de sua alma ser pura, poluí-la com desculpas e mentiras pode estragá-la. Arrumar desculpas seria uma saída fácil, mas somente para o curto prazo.

Sua alma vê e ouve o que você fez e em breve irá responsabilizá-lo. É melhor você aceitar seu erro, não importa o quanto ele possa ser constrangedor. Pelo menos você sairá disso limpo.

3. Você tem pavor do futuro

O acúmulo de mentiras certamente faz um estrago em sua vida espiritual. Você tem pavor do futuro porque não está em paz com o seu presente.

Você tem medo das coisas darem errado ou piorarem. Ao invés de se concentrar no futuro incerto, concentre-se no presente.

Faça as coisas certas. Corrija o que precisa ser corrigido, porque é somente dando o seu melhor no momento presente que você consegue garantir um futuro positivo.

4. Você remói o passado

Sua alma é incapaz de viver no presente porque sua mente a impede ao ficar remoendo o passado. Não seguir em frente é como privar sua alma de ar fresco. Ela não consegue respirar ou sequer se mover.

Deixe o passado ser passado. Não há nada que você possa fazer sobre seu passado. Permaneça no presente e permita que sua alma te guie.

5. Você se empenha em autoconversa negativa

Sua alma chora em silêncio toda vez que a alimenta com autoconversa negativa. Ela sabe quem você realmente é, portanto ela não aceitará as mentiras que você conta.

Mas porque você não consegue ouvir seus gemidos, ela se comunica com você através de suas emoções. Ela faz você se sentir mal consigo mesmo e com a vida que está vivendo hoje. Substitua a autoconversa negativa por positiva, porque é assim que você verdadeiramente é.

6. Você permite que outros abusem de sua bondade

Sua alma sabe da intenção dos outros; é por isso que ela se entristece quando outros abusam da sua bondade para benefício próprio. Para cada bondade feita, sua alma não espera nada em retorno, porque ela conhece a lei do karma.

Mas quando você não se sente bem por causa da forma com que outros tratam você depois de conseguirem o que querem, sua alma se sente traída. Aprenda a se defender e estabeleça limites saudáveis para proteger sua alma de abuso excessivo.

7. Você faz coisas que não estão alinhadas com seu propósito de vida

Cumprir o propósito da sua vida é o principal motivo de você estar neste mundo. Sua alma sabe disso e é a única coisa que sua alma quer que você siga.

Mas quando você se concentra em perseguir coisas que não estão alinhadas com o seu propósito, sua alma fica inquieta. Ouça o que sua alma está te dizendo, não o que outras pessoas querem que você faça. Sua alma não te dará paz a não ser que você permita que ela fale.

8. Você se opõe à sua verdadeira natureza

A pressão da família ou de amigos tendem a levar você a fazer coisas que não te fazem feliz.

Porque você evita decepcionar as pessoas que ama e quer atender às expectativas das pessoas, você define sua vida baseada nos termos deles.

Sua alma não está feliz com isso, porque ela sabe quem você realmente é e quer que você se expresse completamente.

9. Você diz “sim” mesmo quando não quer

Dizer “sim” quando você quer dizer “não” é fazer coisas contra a sua vontade. Diga “sim” quando quiser dizer “sim”, mas aprenda a dizer “não” quando não quiser algo.

Mesmo se outros te julgarem, mantenha-se fiel a si mesmo.

Sua alma quer que você seja honesto consigo mesmo e com outras pessoas. Se não consegue fazer isso, você está desvalorizando a si mesmo, bem como sua alma.

10. Você se apega a coisas que não servem mais para você

As coisas aparecem em sua vida por diferentes motivos. E há algumas coisas que, não importa o quão importantes ou valiosas elas possam parecer, vale a pena você deixá-las para trás.

Quando você deixar coisas para trás, faça com a crença de que não foram feitas para você. Algo muito melhor está preparado para você. Se não deixar para trás, esta coisa fará mais mal para sua alma no longo prazo.

11. Você mantém a companhia de pessoas tóxicas

Pessoas tóxicas raramente, ou nunca, trazem positividade para sua vida. Elas são as pessoas que te deixam para baixo, constrangem você ou te insultam diretamente.

Sua alma não tolera este tipo de tratamento porque ela sabe que você não o merece. Abusar de você porque você não atende às expectativas não é suficiente para tratá-lo desta maneira. Salve sua alma deixando para trás pessoas tóxicas.

12. Você não se ama o suficiente

A maneira mais fácil de matar o brilho da sua alma é não se amar o suficiente. O amor é a expressão final de si mesmo, seu verdadeiro ser.

O amor é a luz onde sua alma prospera. Sem esta luz, sua alma irá murchar na escuridão. Pratique o amor próprio. É onde tudo de bom na sua vida começa.

Este artigo é uma tradução do Awebic do texto originalmente publicado em Life Coach Code.

Encontrou algum erro no post? Fale pra gente!