A empresa Vice Industry Token, do Vale do Silício anunciou recentemente, por meio de seu CEO, Stuart Duncan, que vai investir no mercado pornográfico. A inciativa nasceu inspirada na recente febre do mercado econômico: o bitcoin.

Segundo Duncan, as pessoas estão assistindo cada vez mais produções pornográficas na internet, então porque ele não ganharia com isso? A ideia do empresário é transformar o tempo gasto com acesso aos pornôs em pontos para trocar por descontos em sexshops, revistas e até ganhando acesso em sites pornôs pagos.

De acordo com o site GayStarNews, os ganhos viriam de parceiros interessados em divulgar seus serviços a quem está assistindo às produções. Posteriormente, o usuário poderia converter os bitcoins em moeda real, que seriam depositadas em uma conta de sua escolha.

“Usar esta tecnologia é revolucionário pois permite não apenas quem cria, mas também quem assiste. A princípio você ganhará bitcoins por consumir o conteúdo. Com o tempo poderá comprar e revender seus créditos inclusive entre os usuários.”, disse Duncan.

Por enquanto, Duncan vem testando a ideia em parceria com o site gay Playmen. “Eventualmente todos os sites poderão ter a tecnologia, mas me pareceu interessante começar testando com o público gay.”

Vamos aguardar!

Encontrou algum erro no post? Fale pra gente!