A esfoliação já é uma etapa conhecida quando se fala de cuidados com a pele, sendo um procedimento para acelerar um dos processos naturais da pele: eliminação de células mortas e renovação celular.

“O esfoliante facial realiza uma limpeza profunda através de partículas minúsculas que fazem uma leve abrasão na camada superficial da pele e, além de retirar a sujeira e a oleosidade acumuladas, estimula a renovação celular”, explica Renato Lima, diretor de marketing da Barba Urbana.

Quando feita da maneira correta, a esfoliação é uma das maiores aliadas da pele, principalmente para quem tem barba, pois, além da limpeza, o procedimento traz diversos outros benefícios. Confira:

Facilita o barbear – Oleosidade, sujeiras e células mortas presentes na pele podem atrapalhar o caminho do seu aparelho de barbear. O esfoliante age removendo essas impurezas, o que facilita o deslizar da lâmina. Além disso, o produto atua amaciando a pele e os pelos, o que garante um barbear mais suave, rente e com menos chance de corte e irritação.

Evita pelos encravados – Os pelos encravam quando não conseguem romper a camada mais superficial da pele e sair, gerando assim uma reação inflamatória que pode coçar e doer. Por remover as células mortas presentes na pele, o esfoliante libera o caminho para os fios crescerem, evitando que estes encravem.

Auxilia no combate de cravos e espinhas – As partículas presentes no esfoliante removem o excesso de sebo acumulado e desentopem os poros, impedindo assim a formação de cravos e espinhas, que nada mais são do que poros entupidos e, no caso das espinhas, infeccionados por bactérias.

Rejuvenesce e hidrata – Por promover renovação celular, a esfoliação ajuda a manter o tecido mais jovem, melhora a aparência de marcas e manchas e estimula a produção de novas células com mais colágeno, que tornam a pele mais hidratada. Além disso, o procedimento aumenta a capacidade de absorção dos cosméticos pelo tecido, deixando a pele pronta para a aplicação de cremes.

Para realizar a esfoliação, passe o produto no rosto molhado e espalhe fazendo movimentos circulares na testa, nariz, bochechas, região da barba e do pescoço exercendo uma leve pressão. Em seguida, enxague bem. Porém, a esfoliação só deve ser realizada de duas a três vezes por semana para que não ocorra o efeito contrário do esperado, estimulando a oleosidade e levando a abertura de poros.

Encontrou algum erro no post? Fale pra gente!