Nesta semana, a gigante da moda H&M, cometeu uma atitude racista. Em uma campanha divulgada pela empresa, um menino negro aparecia usando um casaco de moletom em que tinha estampado a seguinte frase: “Coolest monkey in the jungle” (O macaco mais legal da selva).

A campanha, gerou revolta e diversas pessoas se sentiram ofendidas pela publicação. Agora, várias celebridades e internautas estão propondo um boicote à marca. Em sua rede social, o cantor The Weeknd disse que não só deixará de usar as peças da grife, como também recusará qualquer tipo de vínculo de trabalho com a empresa.

“Acordei nesta manhã chocado e envergonhado desta foto. Eu estou profundamente ofendido e eu não vou mais trabalhar com a H&M”, escreveu o rapper.

Após a polêmica, a H&M emitiu uma nota oficial como pedido de desculpas. “Nós pedimos as mais sinceras desculpas por ofender as pessoas com essa estampa. A imagem foi removida dos canais onlines e o produto não vai ser mais vendido nos Estados Unidos”, afirmaram.

Encontrou algum erro no post? Fale pra gente!