O time de futebol norueguês, Rosenborg, cancelou sua viagem de pré-temporada para Dubai. A justificativa foram os protestos de seus torcedores contra a maneira que homossexuais e mulheres são tratados nos Emirados Árabes.

“A escolha do local contrariava os valores do clube e de seus torcedores. Diante de tantas outras opções disponíveis, é absolutamente desnecessário realizar a pré-temporada em Dubai”, disse um porta-voz dos torcedores. “O Rosenborg significa mais do que o sucesso no campo. Em 2017, todos concordamos que a orientação sexual não deve ser crime e que as mulheres também devem ser tratadas com igualdade em relação aos homens”, acrescentou.

Em comunicado oficial, o Rosenborg informou que decidiu cancelar a viagem e escolher outro destino, após análise interna. “Não podemos subestimar as reações e opiniões dos nossos torcedores”, disse o diretor esportivo, Stig Inge Bjornebye.

Encontrou algum erro no post? Fale pra gente!