O jogador argentino de rúgbi Jonathan Castellari, 25 anos, corre o risco de perder a visão de um olho depois de ser agredido por sete pessoas em Buenos Aires porque, segundo elas, ele estava tendo “um comportamento gay”. As informações são do jornal La Nacion que acrescentou que o atleta ouviu a frase ao sair dançando de um restaurante fast food de Buenos Aires na madrugada de sexta-feira.

Castellari e um amigo foram cercados e xingados. Ao chegarem no estacionamento, o jogador começou a ser agredido por golpes na cabeça. Depois que os criminosos foram embora, o jogador foi encaminhado para o hospital e segue internado com lesões na região do olho direito e pode passar por cirurgia.

O amigo do atleta disse ao La Nacion que acionou a polícia e as chamadas não foram atendidas. Entidades LGBT e autoridades de Buenos Aires protestaram. Ele é jogador do Pampas Rugby e da Federação Argentina LGBT.

Encontrou algum erro no post? Fale pra gente!