Fabrício Junior tinha 25 anos, era um jovem ator talentoso, que, infelizmente, sofria de depressão. Doença que só aumenta no Brasil a cada dia.  Morador de Belo Horizonte, Minas Gerais, mas nascido em Diamantina, o rapaz cometeu suicídio na última semana, em sua casa. Mas antes, gravou três vídeos falando sobre os motivos que o levaram a ceifar sua própria vida.

Nos vídeos, o artista cita decepção com pessoas, relacionamentos afetivos rompidos, além de tristeza com o contexto em que vive, provavelmente, se referindo à pressão social, preconceito e intolerância a qual todos LGBT’s são expostos quase que diariamente. Mostrando tranquilidade, ele se despede da família, e dos amigos que sempre o ajudaram: “Me desculpem todos aqueles que me amam, minha família, meus amigos”, diz ele.

Fabrício ainda faz um alerta: “Tem gente do ‘ladinho’ de você, que pode tá sofrendo muito, com vários problemas, sorrindo mais gritando por dentro, é assim que eu estou. Percebam seus amigos, seus familiares, as pessoas que te cercam”, alerta ele.

De acordo com informações não oficiais de amigos do ator no Facebook, ele cometeu suicídio ingerindo uma alta dose de medicamentos.

[manual_related_posts]

Encontrou algum erro no post? Fale pra gente!