Apresentadora do “Fofocalizando”, no SBT, Mara Maravilha quis dar uma de tolerante ao afirmar ser contra a liminar da Justiça Federal que abriu brecha para a prática da ‘cura gay’ no Brasil.

Em seu Instagram, Mara publicou uma foto dando selinho em Mamma Bruschetta, companheira de palco, numa tentativa de se mostrar a favor da diversidade. Não colou: diversos comentários a chamaram de “hipócrita” e “oportunista”, entre outros adjetivos.

Vale lembrar que a ira contra o posicionamento da apresentadora é por conta de declarações polêmicas dadas no ar. Além de já ter chamado homossexuais de “aberração”, ela criticou durante o vespertino a transição de Ivan em “A Força do Querer”.  Evangélica, repetiu que “Deus fez Adão e Eva e não Adão e Ivo” diversas vezes.

//platform.instagram.com/en_US/embeds.js

[manual_related_posts]

Encontrou algum erro no post? Fale pra gente!