A L’Oréal Paris do Reino Unido demitiu uma modelo transexual após ela fazer postagens racistas em suas redes sociais. A postagem Munroe Bergdorf gerou tanto falatório que a marca decidiu colocar fim contrato com a moça.

Informações dão conta de que Munroe publicou a seguinte mensagem: “Honestamente, eu não tenho mais energia para falar sobre a violência racial das pessoas brancas. Sim, de TODAS as pessoas brancas”. O post foi deletado em seguida.

No Twitter, a L’Oréal afirmou que a demissão veio após comentários que vão em desacordo com os valores da empresa. “L’Oréal é campeã da diversidade. Comentários de Munroe Bergdorf estão em desacordo com nossos valores, e por isso decidimos terminar nossa parceria com ela”.

A situação, porém, não deixou a trans satisfeita. No Facebook, Munroe teceu críticas à empresa e ainda sugeriu um boicote.  “Esta marca de maquiagem não se preocupa com nada além de dinheiro. Eu convoco vocês a boicotar a L’Oréal Paris. Não consigo expressar como estou desapontada com todo o time em lidar com frases que foram completamente tiradas de contexto”, escreveu.

[manual_related_posts]

Encontrou algum erro no post? Fale pra gente!