Como todos já estão sabendo, a Justiça determinou que agora gays e lésbicas podem, sim, ser tratados como doentes. Vários artistas se sensibilizaram e mostraram apoio a comunidade LGBT.

Anitta postou um pequeno vídeo mostrando-se desvastada: link do vídeo e trecho do que é dito.

“Que nossos representantes deem atenção pro que é realmente importante, que é consertar nossa miséria, nossa corrupção, falta de educação, instrução… até mesmo para mais ninguém cometer uma burrice como essa”, diz a interprete de “Bang”.

Pabllo Vittar também deu seu parecer e afirmou: “Não somo doentes. O preconceito não vai vencer. Não existe cura, remédio porque não há doença”, escreveu em suas redes sociais.

Agora, Gretchen, que é considerada a rainha dos gifs avisou através de um vídeo que retornar ao Brasil em Outubro para um passeata contra “essa palhaçada”.

“Cuidar do Brasil eles não querer, agora inventar essa palhaçada eles querem”, afirma a rainha do rebolado convocando os pais de gays, lésbicas, bissexuais, travestis, transsexuais a participarem do movimento.

Encontrou algum erro no post? Fale pra gente!