Sabe o que tem em comum Santos Dummont, Nany People, Leonardo Da Vinci, a cantora Billie Holliday, o imperador Júlio César, Maria Antonieta e até Alan Turing, um dos pais da computação moderna? Todos eles eram pessoas LGBT!

Pois é. Se tem um assunto velado e pouco abordado nas aulas de História, é a sexualidade de muitas figuras históricas. Não à toa. O movimento LGBT como causa e luta é uma conquista da história moderna. Até bem pouco tempo atrás, ter uma orientação sexual ou identidade de gênero diferente da maioria “hetero-cisgênera”, era visto como doença, ou pior, como crime mesmo. Até por isso existem poucos registros históricos sobre isso,e em muitos casos, jamais ficaremos sabendo infelizmente. Não foram poucas as figuras históricas que perderam a vida, ou quase, como foi o caso do pensador britânico Oscar Wilde, que teve que negar que era gay pra não ser condenado.

Mas precisamos valorizar nossa história e principalmente os personagens que pouco a pouco, foram abrindo a fresta do armário pra que hoje a gente comece a ter algum respeito e visibilidade, além de com isso mostrarmos que LGBTs sempre estiveram aí, embora durante muito tempo condenados ao armário. Pensando nisso, o Põe Na Roda estreou um novo quadro: é o “Grandes LGBTs da História”. Nele, a cada episódio, abordaremos a biografia de personagens LGBT que fizeram história e mudaram a História. E a edição de estreia não poderia ser mais especial, contando a vida e carreira da estrela Rogéria, que nos deixou no último dia 4 de Setembro, mas deixou um brilho e legado que continuarão brilhando pra sempre. Assista abaixo:

 

Encontrou algum erro no post? Fale pra gente!