Um dos personagens mais lembrados do apresentador e humorista Jô Soares vai virar filme. O Capitão Gay, lançado no programa “Viva o Gordo” nos anos 80, foi um dos maiores sucessos humorísticos da época.

O projeto recebeu o apoio do Ministério da Cultura e recebeu o aval para captar R$ 7,8 milhões para realização do longa. O valor foi aprovado pela Ancine, através da  lei de incentivo ao fomento audiovisual.

A iniciativa para criação do filme, partiu do diretor Matheus Zola, com realização da produtora Zola, que pertence ao cineasta José Henrique Fonseca. Segundo informação da produtora, a obra ainda não tem um nome definido e o elenco ainda será escolhido.

Encontrou algum erro no post? Fale pra gente!