Eu sei, eu sei! Não é nada fácil eliminar aquela gordurinha do corpo que tanto te incomoda. É preciso treinar forte e comer direitinho, mas a gente tem umas dicas de mestre que vão te ajudar a alcançar seus objetivos mais rapidamente. Então chega de enrolação e vamos ao que interessa!

Água

Se você não beber água na quantidade ideal, seu corpo não terá a temperatura adequada, impedindo a queima de gordura. Afinal, o nosso organismo depende da água para manter-se em equilíbrio. Estes são os melhores momentos do dia para beber água:

  • Ao acordar, beba água morna;
  • Antes das refeições, água a temperatura ambiente;
  • Ao fazer exercícios, prefira água fria: um copo meia hora antes, um gole a cada 15 minutos de atividade e mais um copo no fim do treino;
  • Se sofrer com queimação, encha o estômago de água;
  • Sentir sede é sinal de desidratação. Beba tanta água quanto sentir vontade;
  • No meio da manhã e da tarde, água gelada para gastar energia;
  • Antes de dormir, tome um copo de água. Isso mantém seu metabolismo trabalhando, podendo evitar problemas cardíacos;

Carboidratos

Os carboidratos complexos (aqueles que contêm mais fibras) ajudam na queima de gordura. A partir de hoje, inclua em sua dieta, pelo menos meia xícara, apenas uma vez por dia:

  • Frutas
  • Aveia crua
  • Massas, arroz e pão integral

Peso

Um metabolismo mais acelerado queima mais gordura. Quando nossos músculos estão mais desenvolvidos, nosso metabolismo acelera. E para criar músculos, é preciso treinar com pesos.

Experimente, por exemplo, fazer agachamentos com peso, usando halteres no começo. Com o passar do tempo, aumente o tipo de exercícios e varie aparelhos.

Proteína

Os aminoácidos são a chave para o desenvolvimento do tecido muscular. Eles são encontrados nas proteínas, que por sua vez, são essenciais para quem quer queimar gordura. Inclua mais proteínas em suas refeições, sem exageros. As melhores fontes de proteínas são:

  • Ovos cozidos
  • Peixes como salmão, cavala, sardinha e atum
  • Carnes de peru e peito de frango
  • Carnes vermelhas sem gordura
  • Laticínios como queijo cottage e iogurte
  • Quinoa

Gorduras

Pode soar estranho, mas as gorduras boas são necessárias para produzir hormônios que promovem a queima de gordura: testosterona e hormônio do crescimento. Mas esqueça as gorduras ruins. Nada de frituras nem de alimentos empanadas. Inclua apenas gorduras como:

  • Óleos de canola, girassol, milho e azeite de oliva
  • Abacate
  • Atum, salmão, sardinha
  • Nozes, amêndoas, avelãs

Em menor proporção, consuma gorduras saturadas, aquelas presentes em:

  • Ovos
  • Carne
  • Manteiga de cacau
  • Óleo de coco

Detox

Para ajudar a liberar as toxinas que chegam ao seu corpo e para que elas não se acumulem em forma de gordura, coma:

  • Pepino
  • Pimentão
  • Cenoura
  • Espinafre
  • Alface

E não se esqueça que o melhor detox que existe é seu próprio corpo. Ele já vem ’de fábrica’ com os mecanismos para se livrar das toxinas.

Exercícios cardiovasculares

Uma pessoa com metabolismo normal ou lenta não reduz seu porcentual de gordura se não se exercitar por, ao menos 40 a 50 minutos, cinco dias por semana, em atividades cardiovasculares. Outra opção é o HIIT, que consiste em intervalos de exercícios de alta intensidade que podem ser realizados em pouco tempo e que proporcionam ótimos resultados.

Por exemplo:

  • Burpees (30 segundos): flexão de braço seguido de salto vertical
  • Descanso (1 minuto)
  • Avanço (30 segundos): coloque o pé direito à frente, flexionando o joelho. Repita com o pé esquerdo, mantendo o equilíbrio
  • Descanso (1 minuto)
  • Polichinelos (30 segundos): dar um pequeno salto abrindo as pernas e, simultaneamente, levando os braços para cima e para baixo, no estilo militar
  • Descanso (1 minuto e meio)
  • Agachamentos (30 segundos): simular o ato de sentar-se, flexionando joelhos e quadril em direção ao solo sem perder a verticalidade, voltando à posição inicial em seguida
  • Descanso (1 a 2 minutos)

Veja também:

Encontrou algum erro no post? Fale pra gente!