Turismo

Crivella quer criar imposto de turismo no Rio de Janeiro

O novo prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (PRB), que também é bispo da Igreja Universal, tomou posse do cargo neste domingo (1) e, durante a cerimônia, comentou que pretende criar uma taxa de turismo no município. De acordo com o jornal Estado de S. Paulo, os turistas pagariam um imposto de “R$ 4 ou R$ 5 nos hotéis da cidade.

Tal iniciativa tem como objetivo aumentar a arrecadação do município, cuja receita caiu com a queda da arrecadação do ISS (Imposto sobre Serviços) e ITBI (Imposto Sobre Transmissão de Bens Intervivos). Além da possível taxa, Crivella comentou que vai rever os subsídios que alguns setores, como o das empresas de ônibus e o hoteleiro.

Crivella também lembrou que a ocupação hoteleira no Rio está em 85%: “isso é algo que temos de celebrar. Espero que seja uma virada para nós. O turismo é a vocação dessa cidade”, afirmou.

Ele também disse que vai mudar a cobrança do IPTU no Rio de Janeiro para “adequar a contribuição de acordo com a capacidade do contribuinte”; ele deseja também que as operadoras dos planos de saúde assumam cirurgias simples mesmo para quem não possui cobertura complementar visando diminuir as filas de espera para esses procedimentos.

Comentários

Sobre o autor

Nelson Sheep

Nelson Sheep

Editor-chefe no Superpride, youtuber, editor, produtor e diretor do canal Põe na Roda. Formado em Rádio e TV pela Universidade Anhembi Morumbi, trabalhou com jornalismo econômico por 6 anos e fugiu para o mundo dos blogs para estimular o pensamento dos outros. É um ouvinte de primeira.