Está rolando em alguns sites, a informação de que uma doméstica, chamada Verônica Maldonado (foto), estaria afirmando categoricamente ter tido um longo romance com a Presidenta da República, Dilma Rousseff. Esse papo rola desde as eleições de 2010. Lembra?

Mas a novidade é que a tal Verônica tá querendo provar essa relação amorosa com Dilma, com fotos, cartas e outros documentos e, com isso, mover uma ação contra a autoridade máxima desse País, exigindo o direito de receber uma pensão mensal, já que, por mais de quinze anos, ela teria deixado de trabalhar e estudar para se dedicar apenas a vida conjugal com Dilma, de acordo com notícia publicada no Rondônia Acontece.

O advogado Celso Langoni Filho, citou o artigo 226 da Constituição, dizendo que a família é um bem da sociedade e que tem proteção especial do estado. A doméstica que amava Dilma foi escanteada logo depois que a guerrilheira foi trabalhar em Brasília.

É isso!

Agora, uma reflexão…

Encontrou algum erro no post? Fale pra gente!